Homem na Arena

(Excerto do discurso de Theodore Roosevelt em Paris na Sorbonne a 23 de Abril de 1910)

Olá a Todas!

Tive conhecimento deste excerto que partilho com todas vocês “O Homem na Arena” , quando li o livro da Brené Brown, “A coragem de ser imperfeito”, o qual recomendo vivamente.

Estas palavras são uma grande inspiração para mim, são uma grande âncora em situações em que tenho de me expor, que temo o julgamento dos outros.
Em suma, ajuda-me bastante a lidar com a vulnerabilidade!

Espero que vos possa ajudar também.

“Não é o critico que importa, nem aquele que mostra como o homem forte tropeça, ou onde o realizador de proezas podia ter feito melhor. O crédito pertence ao Homem que se encontra na Arena, com o rosto manchado de poeira, suor e sangue; que luta com valentia; que erra e tenta de novo e de novo; (…) que conhece os grandes entusiamos e as grandes devoções; que se sacrifica por uma causa nobre; que ao menos conhece no final, o triunfo de uma grande realização; e que na pior das hipóteses, se fracassar, pelo menos fracassou ousando grandes coisas; e por isso o seu lugar, não pode ser junto àquelas almas tímidas e frias que não conhecem nem vitórias nem derrotas.

ESTÁ TUDO BEM…

Não tenhas medo de enfrentar as tuas arenas, com receio dos “sempre críticos” desta vida.
És tu que estás lá, na Arena da tua vida, que conheces as tuas circunstâncias melhor do que ninguém.

Não importa se no fim da luta, vais ao tapete, pelo menos ousaste, não tiveste medo de aparecer e ser vista!

Quais são as maiores arenas da tua vida?

ESTÁ TUDO BEM…

@orlanda_sampaio

Add A Comment